Você está aqui: Home > Alimentação > Alimentação Balanceada!

Alimentação Balanceada!

Bem, essas duas palavrinhas são auto explicativas, não é mesmo?! Não, não é mesmo…

Explico por qual razão. Já ouvi muitas pessoas dizerem que possuem a tal “Alimentação Balanceada“:

Claro, que tenho! O hambúrguer é a carne, fonte de proteínas. O pão, a massa, fonte de carboidratos. A saladinha básica, alface, tomate, cebola e outros, são as fontes de fibras, vitaminas e minerais. E por último, o bacon, e o óleo para a fritura fica para as gorduras!”  Ou então: “Ah sim, de manhã um pão integral, queijo e café. Almoço, só salada! No jantar prefiro as frutas e de vez em quando um iogurte, pois assim tenho variedade!

Gente, olha só! Segundo algumas diretrizes dietéticas, toda refeição do dia deve conter os macro e micronutrientes. E no primeiro caso, até concordo que, os macronutrientes (carboidrato, proteína e gorduras) e micronutrientes (vitaminas e minerais) constem nessa refeição.  Mas esses, poderiam estar disponíveis em uma situação mais SAUDÁVEL. Porque ali temos o pão branco, carne indefinida (segundo o povo que come em alguns fast foods aí, dizem que não é indefinida. Tá, tudo bem!) muitas vezes “grelhadas em grandes porções de óleo”, ou seja, frita, e o bacon, riquíssimo em gorduras saturadas (e ainda “grelhado”). Vendo com outros olhos pode-se, por exemplo, optar por: um sanduíche natural (tá legal, peguei pesado, né?) ou então, hambúrger em casa. Assim, você pode escolher outro tipo de pão (hoje já existe pão para hambúrguer integral!); saber a carne que está comendo (hambúrguer de carne moída que você pediu para seu açougueiro moer na hora ou um bife bem magrinho); grelhar realmente, e o BACON…ah…pense neste que está na sua barriguinha e que você terá de queimar (achou que seria fácil, né?)!

O segundo caso, há uma variedade no total da alimentação diária (não querendo discordar de cara, sabem né?). Mas a “variedade” TEM QUE ESTAR em TODAS as refeições principais do dia!!! Ou seja, no café da manhã, almoço e jantar. E o que seria isso? Gostaria de colocar aqui a Pirâmide Alimentar. Calma! Isso não é chato e nem difícil de compreender. A pirâmide alimentar é só uma forma ilustrada do que é uma alimentação balanceada para que haja o consumo de vários alimentos e em quantidade suficiente. Abaixo segue a Pirâmide Alimentar Brasileira Adaptada a partir da referência da USDA (1992), elaborada por pesquisadores brasileiros liderados pela doutora Sônia Tucunduva Philippi. Explicação:

Temos oito grupos de alimentos e quatro níveis. O primeiro nível (térreo) possui o grupo de alimentos que devem ser consumidos em maior proporção (arroz, massas, pão). No segundo nível, temos o grupo das verduras e legumes e o das frutas; alimentos que deve aparecer com mais freqüência no cardápio. O terceiro nível é composto pelos grupos de alimentos ricos em proteínas, sendo o grupo de feijões (feijão, soja, ervilha), o das carnes e ovos e do leite. E em último nível, o quarto, temos os grupos dos óleos e gorduras e dos açúcares, os quais devem ser consumidos com moderação.

Para detalhes sobre a Pirâmide Adaptada veja aqui que dispõe o artigo original e disponibiliza os oito grupos da Pirâmide com os alimentos e seus equivalentes em porções (medidas caseiras e gramas) para que você faça substituições nas refeições de forma qualitativa e quantitativamente equilibrada.

É uma maneira de seguir à risca uma alimentação balanceada e mais saudável. Mas posso dizer que “pode-se comer de tudo, mas com moderação“. Você não precisa deixar de lado alimentos que você gosta, muitos em excesso podem fazer mal à sua saúde. Lógico que seria melhor para saúde não comê-los. Mas isso, pode-se conseguir aos poucos, trocando por outro, mas não sendo possível, aprenda a comer com moderação.

Não deixe que um sintoma ou uma doença apareça para que você alimente-se saudavelmente!!! Cuide agora!

 

3 comentários

  1. Adorei as dicas dos 10 passos para uma vida saudável!!! Parabens!!!! Uma linguagem legal que com muito bom humor conseguiu atrair minha atencao e me estimulou a ter uma vida saudavel….principalmente pq tenho 2 filhos pequenos, e meu marido….que comem o q eu ofereco a eles…e é importante q eu ofereca uma alimentacao adequada…me sinto culpada por nao ter mais tempo e preparar pratos mais saudaveis (Trabalho o dia todo e as ccas ficam na escola), mas acredito q e questao de nos adaptarmos a um novo estilo de vida!
    Obrigado!!!
    Priscila Borges

  2. Obrigada Priscila! É ótimo e fico muito feliz quando consigo passar as dicas de alimentação de uma forma real. Mas a questão é essa mesmo, pensar antes de comer algo ou oferecer a quem seja!
    Obrigada,saúde para você!

Responda

Seu email não será publicado

*